terça-feira, 5 de abril de 2011

Saúde

Guarujá ganha novo centro de reabilitação na sexta-feira


Créditos: Divulgação
O funcionamento da unidade será de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 18 hora
Será inaugurado em Vicente de Carvalho na sexta-feira dia 08 de abril de 2011, às 9 horas, o Centro de Reabilitação de Vicente de Carvalho.  A unidade faz parte do complexo da Unidade Básica de Saúde (UBS) Pae Cará (Avenida São João, 155), que já conta com o Serviço de Internação e Assistência Domiciliar (Siad) e a Farmácia do Cidadão Jose Soares Sobrinho.
 
Segundo a Prefeitura, o novo centro possui 400 m². A estrutura é dividida em recepção com sala de espera com 40 lugares, três consultórios de atendimento individualizado e salas de cinesioterapia (sala para exercícios musculares), turbilhão, terapia ocupacional e sala para terapia em grupo, além de quatro boxes de eletroterapia e quatro banheiros (um adaptado). O corpo clínico da unidade é formado por seis fisioterapeutas, um terapeuta ocupacional e um fonoaudiólogo. 

O Centro de Reabilitação já atende desde segunda-feira. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 18 horas. Segundo a coordenadora de Fisioterapia da Prefeitura, Maria Fernanda de Mello Apa, a nova unidade diminuirá o tempo de espera das consultas e dará mais acessibilidade e agilidade ao serviço.
 
Além da unidade de Vicente de Carvalho, os munícipes continuarão com o atendimento oferecido pelos serviços de Recuperação e Fisioterapia do Ginásio Guaibê (Avenida Santos Dumont, 420 – Santo Antônio)
.

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Capacitação em Técnicas de Vendas pela ONG Meninos da Enseada




Dias das Mães faz com que Empresas selecionem mais candidatos para suprir demanda do comércio.

Empresa especializada em terceirização de serviços anuncia 300 vagas temporárias para suprir a demanda do comércio no período do Dia das Mães, considerada a segunda data mais aquecida para o varejo. As oportunidades são para Santos, São Vicente, Guarujá e Praia Grande.

Os cargos são de vendedor, promotor de vendas, atendente de lojas, caixa e ajudante geral. Entre os requisitos para participar do processo seletivo estão Ensino Médio completo, disponibilidade de horário, facilidade para trabalhar em equipe, boa comunicação e dinamismo. A seleção será composta por dinâmica em grupo, entrevista individual e teste psicológico. A remuneração média é de R$ 600,00 a R$ 1.300,00, com benefícios como vale-transporte e vale-refeição.

Além das vagas para o comércio, ainda há 10 vagas para consultor externo em Santos e no Guarujá. Os interessados devem ter experiência em vendas externas. O salário é de R$ 730,00, mais comissão, ajuda de custo e vale-refeição. É necessário ter Ensino Médio completo e possuir automóvel.
Você não esta capacitado para estas vagas e tem até 21 anos de idade? Então não perca tempo, venha fazer um Workshop Técnicas e Psicologia em Vendas.
Faça hoje mesmo sua inscrição pelos fones (13) 3013.3864 e 7812.6322

Para cadastro de currículo direto é só acessar o site www.allis.com.br ou comparecer à unidade de recrutamento e seleção na Rua Ipiranga nº 345, 2º Andar - Centro de São Vicente.

terça-feira, 29 de março de 2011

Arte em Escamas

Em busca de alternativas econômicas para a geração de renda no município, a ONG Meninos da Enseada irá promover em maio, o curso de artesanato com escamas de
peixe. Além de ter grande aceitação, a arte com escamas de peixe ajuda a conservar o meio ambiente.
O trabalho artesanal envolve arte e geração de renda na criação de rosas, botões, mini rosas, panamás.
As rosas são desenvolvidas em processo totalmente artesanal. As escamas são higienizadas com fungicida e bactericida e depois coladas uma a uma com cola à base de água. As rosas podem ser lavadas sob um jato d´água rapidamente. Só não dá para deixar de molho.
Apesar da delicadeza do aspecto, elas são resistentes à queda e impactos. Ficam bem em qualquer ambiente da casa. Seja no living, no lavabo, no quarto, na sala de jantar ou na cozinha.  Podemos criar até buquê de casamento com rosas de escamas.

Materiais:

Folha de palha de coqueiro da Bahia
- Estilete
- Cola quente
- Caramujos da lama
- Escamas de Peixe
- Massa epóxi
- Tinta para tecido Acrilex na cor verde-musgo

Passo a Passo

1- Pegar a palha da folha de coqueiro limpar com estilete fazendo a haste da flor.
2- Em seguida, pegue o caramujo e coloque na ponta fina da haste com cola quente, fazendo assim o miolo da flor. 3- Separe três escamas de tamanho pequeno e cole uma por uma em volta do caramujo, com o lado curvado para cima, fazendo assim a primeira carreira.
4- Em seguida, separe quatro escamas de tamanho maior que as primeiras, colando cada escama na junção das escamas anteriores, fazendo assim a segunda carreira.
5- Para a terceira carreira, repita novamente o prodecedimento anterior, colocando cinco escamas de tamanho maior que as anteriores nessa carreira.
6- Selecione quatro ou cinco escamas de tamanho maior que as já colocadas, e vá colando uma a uma com o lado curvado para baixo.
7- Depois da flor pronta misture a massa de fixação para dar o acabamento.
8- Faça uma bolinha pequena e em seguida, uma cobrinha.
9- Coloque em volta da haste apertando com o dois polegares na parte de baixo da flor.
10- Espere secar, e com tinta de tecido verde musgo, pinte a massa de fixação para cima formando o cálice da flor.


Buquê Flores de Escamas


Doção de Saber e Cultura

 A linguagem é essencial à vida das pessoas e as habilidades de leitura, expressão oral e produção de textos escritos são condições fundamentais para o sucesso na escolarização. Muitos alunos fracassam na escola por não dominar adequadamente essas habilidades. Estimular o hábito da leitura é uma missão delicada e um tanto  complicada. Especificamente quando se avalia o preço de capa dos livros. Percebe-se que ele é um dos fatores de empecilho à leitura. Por tanto é com grande satisfação que recebemos nesta data a generosa doação de livros feita pelo Projeto Cidadão/Guarujá, realizada por intermédio de sua coordenadora Ana Paula.

sábado, 26 de março de 2011

Interesse de Todos...

Créditos: Raimundo Rosa


Pais denunciam que colégios da rede pública e estadual não têm vagas


Ensino Fundamental obrigatório para todas as crianças pode até ser um princípio básico da Constituição Federal. Mas para a família da jovem Tayná dos Santos Melo, de 11 anos, de Guarujá, a norma não passa de mais um dever do Poder Público que fica apenas no papel.
Por falta de vaga na educação pública, ela está sem estudar desde o início do ano letivo. A menina estudou em um colégio particular até o final de 2010, mas teve de se transferir para uma unidade pública porque a situação financeira da família piorou, e o orçamento não suportaria mais essa despesa.
O problema é que desde janeiro, a mãe e o padrasto de Tayná procuraram vagas no 4º ano do Ensino Fundamental em diversas unidades do Município e do Estado, mas receberam resposta negativa em todas que visitaram.
“Ela está parada, sem estudar, e a gente não sabe mais o que fazer porque o tempo está passando e, daqui a pouco, ela perde o ano”, afirmou o padrasto, Luiz Claudio de Campos Santos.
Entre as escolas a que recorreram estão as Emefs Gladston Jafet e Lucimara de Jesus Vicente e as estaduais Hugo Silva, Jardim Primavera e Emídio José Pinheiro, no bairro Santa Rosa, onde moram, ou nos adjacentes.
Segundo Santos, nenhuma das escolas tinham vaga. “Ela entrou para uma lista de demanda”. Eles procuraram também a Diretoria Regional de Ensino, que informou não haver vaga no momento.
O Conselho Tutelar também foi acionado e encaminhou a menina para a Escola Estadual Renê Rodrigues de Morais, no Jardim Helena. “Mas a própria escola, quando fomos até lá, informou que não havia vaga para o 4º ano, só para o 5º. Vamos recorrer ao Ministério Público”.

Solução
A Secretaria de Estado da Educação informa que a estudante será encaminhada para a Escola Estadual Renê Rodrigues de Morais e recomendou que a mãe procurasse a diretoria do colégio para efetuar a matrícula, “o que pode ser feito imediatamente”.
A secretaria negou que faltem vagas na rede. “O que ocorre é que em algumas regiões onde o processo migratório é mais acentuado, algumas escolas podem vir a registrar uma demanda maior. Neste caso, são indicadas outras unidades próximas à residência do estudante”.

Resposta
Consultada por A Tribuna, a Prefeitura de Guarujá disse que todas as solicitações por vaga feitas na Secretaria Municipal de Educação (Seduc) desde o início do ano foram atendidas. A Seduc diz que registrou o pedido de Tayná apenas no último dia 21.
“O caso citado está em análise e, nos próximos dias, será deliberado pela Seduc”, informa a nota. A Prefeitura afirma que não existe lista de espera nas escolas municipais

Você tem fome de que?

Doação de alimentos realizada pela Secretária de Ação Social à Ong Meninos da Enseada é repassada as comunidades do Sítio Conceiçãozinha, Aldeia e Prainha.
Devido a grande demanda, a doação foi divida e foram montandos aproximadamente 80 kits, que foram repassados aos alunos que fazem parte do projeto Trem da Esperança.

Sustentabilidade - Às 20h30, desligue as luzes: é a Hora do Planeta




Pela segunda vez, Santos participa, hoje, da mobilização mundial intituladas Hora do Planeta, a primeira foi em 2009. A iniciativa é da ONG WWF-Brasil,
A intenção é conscientizar a população mundial para os riscos do aquecimento global e das mudanças climáticas. Como um ato simbólico, as luzes de locais públicos de vários municípios do Brasil e do exterior ficarão apagadas das 20h30 às 21h30.
Segundo a Secretaria de Meio Ambiente (Seman), serão desligadas a iluminação da Praça Independência (Gonzaga), Aquário Municipal (Ponta da Praia), Fonte do Sapo (Aparecida), Parque Roberto Mário Santini (Emissário Submarino), estátua O Peixe (entrada da Cidade), Lagoa da Saudade (Morro da Nova Cintra) e da, Praça Mauá e Teatro Coliseu (Centro Histórico). Cada cidadão também pode colaborar, apagando as luzes de sua residência no horário indicado.
O site da campanha é
http://www.horadoplaneta.org.br.

quarta-feira, 23 de março de 2011

Conselho Municipal da Condição Feminina Convida


 Não perca!!
Encerramento das comemorações do Mês Internacional da Mulher

Convite do Evento
Data: 29 de março
Horário: das 14:00 às 18:oo Hs.
Local: Auditório da UNAERP

terça-feira, 22 de março de 2011

Meio Ambiente

Guarujá e Agenda 21 aderem ao movimento a Hora do Planeta 2011 por um mundo melhor .

Neste sábado (26), a Prefeitura, juntamente com a Agenda 21, vai participar das 20h30 às 21h30 do movimento ambiental a “Hora do Planeta 2011”: apague as luzes para ver um mundo melhor.
A Prefeitura já antecipa que todos os prédios públicos do Município serão apagados, salvos os serviços de emergência. “É importante frisar que esse evento é de grande valia para a população. Em geral, as cidades vêm cooperando com o evento, dando uma maior amplitude a um assunto de interesse mundial”, frisou o secretario de Meio Ambiente de Guarujá.
A Hora do Planeta é um ato simbólico, promovido no mundo todo pela Organização não Governamental (ONG) rede WWF, no qual governos, empresas e a população demonstram a sua preocupação com o aquecimento global, apagando as suas luzes durante 60 minutos.
Em 2010, mais de um bilhão de pessoas em 4.616 cidades, em 128 países, apagaram as luzes durante a Hora do Planeta. Em 2011, esperasse uma mobilização muito maior.
Quem é a WWF- Brasil.
O WWF-Brasil é uma organização não-governamental brasileira dedicada à conservação da natureza com os objetivos de harmonizar a atividade humana com a conservação da biodiversidade e promover o uso racional dos recursos naturais em benefício dos cidadãos de hoje e das futuras gerações.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Exposição sobre a Ditadura na UNAERP

A abertura da exposição está marcada para hoje 21/03, às 18h. Compareça!